Oººº°° CURIOSIDADES BÍBLICAS °°ºººO
--------------------" REALMENTE A BÍBLIA DIZ ASSIM OU OUVIMOS ALGUÉM FALAR? "-------------------

Reflexões


O Perdão


Era um vez um rapaz que ia muito mal na escola. Suas notas e o comportamento eram uma decepção para seus pais que sonhavam em vê-lo formado e bem sucedido.

Um belo dia, o bom pai lhe propôs um acordo: Se você, meu filho, mudar o comportamento, se dedicar aos estudos e conseguir ser aprovado no vestibular para a Faculdade de Medicina, lhe darei então um carro de presente.

Por causa do carro, o rapaz mudou da água para o vinho. Passou a estudar como nunca e a ter um comportamento exemplar. O pai estava feliz, mas tinha uma preocupação. Sabia que a mudança do rapaz não era fruto de uma conversão sincera, mas apenas do interesse em obter o automóvel.

Isso era mau!. O rapaz seguia os estudos e aguardava o resultado de seus esforços. Assim, o grande dia chegou! Fora aprovado para o curso de Medicina.

Como havia prometido, o pai convidou a família e os amigos para uma festa de comemoração.

O rapaz tinha por certo que na festa o pai lhe daria o automóvel. Quando pediu a palavra, o pai elogiou o resultado obtido pelo filho e lhe passou às mãos uma caixa de presente. Crendo que ali estavam as chaves do carro, o rapaz abriu emocionado o pacote.

Para sua surpresa, o presente era uma Bíblia. O rapaz ficou visivelmente decepcionado e nada disse.

A partir daquele dia, o silêncio e distância separavam pai e filho. O jovem se sentia traído e, agora, lutava para ser independente. Deixou a casa dos pais e foi morar no Campus da Universidade. Raramente mandava notícias à família.

O tempo passou, ele se formou, conseguiu um emprego em um bom hospital e se esqueceu completamente do pai. Todas as tentativas do pai para reatar os laços foram em vão. Até que um dia o velho, muito triste com a situação, adoeceu e não resistiu. Faleceu.

No enterro, a mãe entregou ao filho, indiferente, a Bíblia que tinha sido o último presente do pai e que havia sido deixada para trás. De volta à sua casa, o rapaz, que nunca perdoara o pai, quando colocou o livro numa estante, notou que havia um envelope dentro dele. Ao abri-lo, encontrou uma carta e um cheque. A carta dizia:

"Meu querido filho, sei o quanto você deseja ter um carro. Eu prometi e aqui está o cheque para que você escolha aquele que mais lhe agradar. No entanto, fiz questão de lhe dar um presente ainda melhor: A Bíblia Sagrada. Nela aprenderás o Amor a Deus e a fazer o bem, não pelo prazer da recompensa, mas pela gratidão e pelo dever de consciência".

Corroído de remorso, o filho caiu em profundo pranto. Como é triste a vida dos que não sabem perdoar. Isto leva a erros terríveis e a um fim ainda pior.

Antes que seja tarde, caro leitor, perdoe aquele a quem você pensa ter lhe feito mal. Talvez se olhar com cuidado, vai ver que há também um "cheque escondido" em todas as adversidades da vida...

Autor: Desconhecido

O Alpinista
Contam que um alpinista, desesperado por conquistar uma altíssima montanha, iniciou sua escalada depois de anos de preparação.
Como queria a glória só para ele, resolveu subir sem companheiros. Durante a subida foi ficando tarde e mais tarde, e ele não havia se preparado para acampar, sendo que decidiu seguir subindo... e por fim ficou escuro.
A noite era muito densa naquele ponto da montanha, e não se podia ver absolutamente nada. Tudo era negro, visibilidade zero, a lua e as estrelas estavam encobertas pelas nuvens.
Ao subir por um caminho estrei­to, a apenas poucos metros do topo, escorregou e precipi­tou-se pelos ares, caindo a uma velocidade vertiginosa.
O alpinista via apenas velozes manchas escuras passando por ele e sentia a terrível sensação de estar sendo sugado pela gravidade. Continuava caindo... E em seus angustiantes momentos, passaram por sua mente alguns episódios feli­zes e outros tristes de sua vida.
Pensava na proximidade da morte, sem solução... De repente, sentiu um fortíssimo solavanco, causado pelo esticar da corda na qual estava amarrado e presa nas estacas cravadas na montanha.
Nes­se momento de silêncio e solidão, suspenso no ar, não havia nada que pudesse fazer e gritou com todas as suas forças:
MEU DEUS, ME AJUDA !!!
De repente, uma voz grave e profunda vinda dos céus lhe respondeu:
QUE QUERES QUE EU TE FAÇA?
- Salva-me meu DEUS !!!
REALMENTE CRÊS QUE EU POSSO SALVÁ-LO?
Com , toda certeza Senhor !!!
-ENTÃO CORTA A CORDA NA QUAL ESTÁS AMARRADO...
- Houve um momento de silêncio; então o homem agarrou-se ainda mais fortemente à corda...
Conta a equipe de resgate, que no outro dia en­contraram o alpinista morto, congelado pelo frio, com as mãos agarradas fortemente à corda...
A APENAS DOIS METROS DO SOLO...
E você? Cortaría a corda ?
Às vezes precisamos tomar decisões que testam nossa fé em Deus.
E você? Que está tão agarrado às cordas? Te soltarias?
Devemos, diariamente exercitar nossa confiança em Deus lembrando-nos sempre que:
"O Senhor nosso Deus nos segura pela mão e nos diz: Não temas, Eu te ajudo" (Isaias 41:13)
Autor: Desconhecido




Olha o Pato !!!

Era uma vez um pequeno rapaz que estava de visita a casa de seus avós. No quintal ele brincava com um estilingue e tentava acertar nos seus alvos, mas nunca conseguia. Quando ficou desmotivado, desistiu e voltou para casa para jantar.
À medida que se aproximava da casa, viu um patinho de estimação da sua avó. Num impulso, ele pegou o seu estilingue e acertou no pato, matando-o.
Ele ficou chocado e pesaroso. Escondeu o pato num cantinho, uma vez que apenas a sua irmã o tinha visto. Maria, a sua irmã, tendo visto tudo não contou nada a ninguém.
Depois do jantar, a avó disse Maria, ajuda-me a lavar os pratos. Mas a Maria argumentou: Avó, o Joãozinho disse-me que queria ajudar na lavagem hoje.
Em seguida, murmurou ao seu irmão.
- 'Olha o pato !!!'.
Assim, a Maria foi pescar e o Joãozinho ficou na cozinha a ajudar. Na manhã, eles queriam ir pescar, mas a avó disse é pena, mas preciso que a Maria me ajude a fazer o almoço.
Aí, Maria sorriu e disse: Ora, não faz mal, porque o Joãozinho disse que queria ser ele a fazer!. Virou-se para o seu irmão e murmurou outra vez:
- 'Olha o pato !!!'.
E lá foi ela brincar no lago e o Joãozinho ficou na cozinha. Depois de uma série de dias fazendo as suas tarefas e as de Maria, o João já não conseguia mais.
Chegou-se ao pé da avó e confessou que tinha matado o pato. A avó ajoelhou-se, deu-lhe um abraço e disse Querido, eu sei! Eu estava na janela quando tu acertaste nele. Eu vi tudo. Mas eu amo-te e te perdôo. Estava só vendo até quando iria deixar que a Maria fizesse de ti seu escravo.
O que quer que tenha acontecido no nosso passado, o que quer que Satanás continue a atirar-nos à cara, lembre-se.
- 'O Senhor estava na janela e ele viu tudo'.
Ele estava só esperando até quando íamos deixar que Satanás fizesse de nós seus escravos.
A melhor coisa sobre o Senhor é que ele não só perdoa como também esquece.
'' Pois tu, Senhor, {és} bom, e pronto a perdoar, e abundante em benignidade para com todos os que te invocam.''. (Sl 86:5) (ARC)
Autor: Desconhecido
0 comentários:

Postar um comentário

Hora Certa

Tradutor

Você Tem Alguma Curiosidade Fale Conosco


Nome:

E-Mail:

Assunto:

Mensagem:


Pesquise nas Escrituras
[ Ex.: graça | Ex.: Gn 1:1-10 ]

Divulgue

Curiosidades Bíblicas

Estamos no Twitter


Gostou Deixe o Seu Recado

Sua Opinião Sobre o Blog: CURIOSIDADES BÍBLICAS

Comentários Recentes

Seguidores

Visitas Online